Ventisquero Promete Novidades

Por 26 outubro, 2016 0 Permalink

Francisco Ruidíaz, enólogo e diretor de vendas da Ventisquero esteve no Brasil para promover os rótulos da linha Grey, posicionados na faixa entre R$ 100 a R$ 150.

O Brasil é o terceiro maior mercado da Ventisquero, contudo, a linha Grey ainda tem pouca penetração, ficando abaixo das vendas de concorrentes de mesmo preço, mas qualidade inferior, segundo avaliação da vinícola.

Enquanto conduzia a degustação, Ruidíaz explicou que a proposta da linha Grey é representar a expressão de sua origem (terroir) e, por isso, cada vinho é produzido com uvas provenientes de parcelas específicas de um único vinhedo (Single Block).

fullsizerender

 

A Ventiquero tem cada vez mais investindo em blends. Na linha Grey lançaram o GCM, feito de Grenache, Carignan e Mouvedre (ou Mataro em espanhol). É um vinho que impressiona pelo equilíbrio, frescor e leveza, muito diferente do que a combinação das cepas poderia sugerir. Parte do segredo está na pouca extração e passagem rápida (6 meses) por barricas de madeira usadas.

 

Mas a grande novidade ficou para o final…

O enólogo revelou em primeira mão que a Ventisquero está preparando um blend sem precedentes de moscatel e uva país, produzidos na patagônia.

A mistura de uvas brancas e tintas sempre atrai a curiosidade, mas essa combinação, de uvas tão intensas, é inovadora e bastante surpreendente.

Vamos ver o que nos espera.

Sem comentarios

Deixe uma resposta